Embratur

Visit Brasil Talks: “Dados são o novo petróleo”, diz executivo de negócios do Google

por — publicado 06/04/2018 00h00,
última modificação 06/04/2018 16h46

Foto por: Embratur

Guilherme dos Anjos, do Google, durante a palestra

Guilherme dos Anjos, do Google, durante a palestra

Encontro aconteceu na sede da Embratur em Brasília, reunindo gestores, servidores e colaboradores da Embratur com especialistas do mercado

O serviço de inteligência de dados é, atualmente, um dos grandes transformadores de pequenas e grandes empresas pelo mundo. O executivo de negócios do Google, responsável pelos segmentos de educação e governo, Guilherme dos Anjos palestrou na Embratur, nesta quinta-feira (5/4), para os servidores e explicou o valor deste trabalho no mercado turístico.

“Cada unidade de negócios tem que voltar os olhos pra si e ver qual revolução tecnológica deve começar a fazer. A gente como profissional precisa aprender como se reinventar”, disse Guilherme.

Cases de sucesso como do Booking (uma das maiores empresas de e-commerce de viagens do mundo) ; Alibaba (e-commerce, incluindo sites online de business-to-business, serviços de varejo e pagamento online, um motor de busca para compras) foram citados pelo executivo, como exemplos a serem seguidos.

“Temos que capturar dados, que estão disponíveis para nós na internet a todo momento; transformá-los em inteligência, estudar, analisar e depois ativar e gerar receita deste conteúdo”, finalizou o palestrante.

Para o assessor de Gestão Estratégica da Embratur, Rafael Felismino, é fundamental dispor de um banco de dados, com atualizações em tempo real sobre os hábitos de consumo dos turistas que já visitam o Brasil e dos que potencialmente viriam. “Com essa informação, seríamos capazes de distribuir informação micro segmentada, sobre produtos e destinos turísticos, especificamente, segundo as preferências de consumo destes turistas. Processos assim já são amplamente utilizados por empresas especializadas em e-commerce, eles tendem a baratear o custo de promoção e atingir com maior eficácia o público que se deseja”, explica Felismino.

Tiago Tomazella, coordenador de Marketing Digital da Embratur, completa que "os dados são essenciais para trabalharmos um conteúdo cada vez mais assertivo ao nosso público de interesse. Com a segmentação da mensagem usando dados podemos trabalhar mensagens específicas de acordo com cada perfil de público'.

Esta ação da Embratur faz parte do Programa Visit Brasil Talks, com ciclo de palestras sobre temas pertinentes ao turismo e à inovação, para os servidores e colaboradores internos do instituto.


Voltar ao topo