EMBRATUR

Imprensa espanhola repercute amplamente a participação da Embratur na Fitur

por — publicado 02/02/2016 00h00,
última modificação 02/02/2016 10h05

Foto por: TV Ideal Media

Entrevista concedida por Vinícius Lummertz para a TV espanhola Ideal Media

Entrevista concedida por Vinícius Lummertz para a TV espanhola Ideal Media

Importantes parcerias e encontros bilaterais foram destaque em rádios, jornais, TVs e internet

O saldo das ações da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) na Espanha foi além das expectativas, com ampla divulgação da agenda do presidente Vinícius Lummertz na imprensa daquele País. Após uma semana do término de uma das maiores feiras internacionais de turismo, a Fitur, encontros bilaterais e inéditas parcerias firmadas pelo Instituto continuam sendo destaque em rádios, jornais, TVs e internet.

“A realização da Olimpíada no Rio de Janeiro este ano também auxiliou na projeção do Brasil, neste momento. Concedemos mais de uma dezena de entrevistas para veículos de comunicação de vários países, como a televisão espanhola TVE e a Ideal Media, o jornal Expansión, o site El Economista e rádio Marca/Paralelo 20”, destacou Lummertz.

Em Madri, ocorreram diversos encontros em Embaixadas e também com o trade turístico. Houve ainda uma maior participação de estados brasileiros na Fitur, que representaram oito regiões do País, além do reconhecimento de iniciativas nacionais pela Organização Mundial do Turismo (OMT).

Para Vinícius Lummertz, o setor deve se organizar de forma a chamar mais atenção, sobretudo mostrando para a opinião pública, por meio de números e experiências, o reflexo do turismo na vida das pessoas. “O turismo tem experimentado um crescimento contínuo e estar em Madri reforçou a importância econômica do setor”, afirmou. 

Promoção internacional

Em um dos pontos altos da agenda, o presidente da Embratur e o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, se reuniram com o secretário-geral da OMT, Taleb Rifai, para tratar de segurança, promoção internacional e facilitação de vistos. A Organização, ligada à ONU, tem elogiado, por meio de comunicados oficiais, a iniciativa do Brasil de facilitar a entrada de turistas estrangeiros no País com a isenção de vistos para nações estratégicas (EUA, Canadá, Japão e Austrália).

Outro bom resultado para a promoção do Brasil foi conquistado na Fitur. No estande montado pela Embratur, Lummertz reuniu um grupo de lideranças do trade para alavancar o fluxo turístico internacional e trazer investimentos em infraestrutura para o setor. A ação envolve a iniciativa privada e o setor público. Com o apoio do Ministério do Turismo, a Embratur, representantes de grandes operadoras e da cadeia turística realizarão road shows por países da Europa e Américas.

A Feira também serviu de palco para os ministros do Brasil, Argentina, Paraguai e Chile traçarem uma estratégia de promoção turística conjunta. Acompanhado do presidente da Embratur, o grupo firmou pacto de estreitarem a relação dos países por meio do setor de viagens. O governo federal também firmou importantes parcerias para promover o turismo de forma integrada com a Argentina. A proposta do Brasil é apresentar atrações dos dois países com uma promoção única.

Voltar ao topo