Embratur

Encontros na capital movimentam o trade brasileiro

por — publicado 06/02/2019 00h00,
última modificação 07/02/2019 14h00

Foto por: Pablo Peixoto/Embratur

Ministro do Turismo, presidente da Embratur, Teté Bezerra, e lideranças do setor se reúnem na Câmara dos Deputados

Ministro do Turismo, presidente da Embratur, Teté Bezerra, e lideranças do setor se reúnem na Câmara dos Deputados

Frentur pela manhã e CNC à tarde reuniram lideranças em dia com diversas ações com foco no turismo nacional

Desburocratização, avanços e união do trade: estes foram os principais temas conversados hoje (6), em Brasília, pelas lideranças do setor, nos encontros promovidos na Câmara Federal, pela Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo (Frentur), e, à tarde, na Confederação Nacional do Comércio, Bens, Serviços e Turismo, a CNC.

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, reforçou que “agora é a hora do turismo. É um momento importante para as mudanças necessárias, e colocar de vez o setor no centro da pauta política e econômica do País. Temos o presidente Bolsonaro como aliado”, disse.

A presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Teté Bezerra, durante o encontro na parte da tarde, relembrou que “o turismo é construído com base nas parcerias desenvolvidas entre os setores público e privado e, nestas reuniões, encontramos importantes representantes dos dois lados, para unirmos forças e buscarmos os avanços que são necessários para um setor mais competitivo no Brasil”.

“É necessário avançar em matérias no Congresso que influenciam a atividade do turismo. O presidente do País fala a todo momento no potencial do setor, vivemos um novo momento no turismo”, acrescentou o presidente da Frentur, deputado Herculano Passos. Ele reforçou ser consenso a necessidade de transformação da Embratur em agência, para garantir maior capacidade de investimentos na promoção do Brasil no exterior.

O presidente da CNC, José Roberto Tadros, destacou que a sociedade está despertando para a importância econômica do setor. “O turismo será o responsável pela recuperação de empregos e por absorver a mão de obra que a tecnologia está tirando de outros setores”, afirmou. 

Alexandre Sampaio, diretor da CNC, disse também que estes encontros “mostram o apoio do trade e a força destes que trabalham unidos a favor do turismo”.

Reinstalada hoje, em Brasília, a Frente Parlamentar Mista em Defesa do Turismo (Frentur) conta com mais de 200 parlamentares e tem como principal objetivo levar para os plenários os projetos importantes para o setor no País.

Entre as prioridades da Frente estão a aprovação da medida provisória que libera 100% de investimentos estrangeiros em companhias aéreas nacionais, a transformação da Embratur em agência e a Lei Geral do Turismo.

 

Voltar ao topo