Embratur

Embratur firma acordo com ministérios para promover Ecoturismo

por — publicado 05/12/2017 00h00,
última modificação 05/12/2017 11h49

Ministérios do Turismo, Meio Ambiente, ICMBio e a Embratur assinam acordo de cooperação para ações conjuntas em favor do turismo ecológico

O turismo e a ecologia ganharam destaque nesta semana através de um acordo de cooperação firmado entre os ministérios do Meio Ambiente e do Turismo, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur). Os quatro órgãos buscarão, juntos, a promoção da natureza brasileira aliada ao turismo.

A ideia é sensibilizar e proteger os ecossistemas e parques nacionais brasileiros, atrelado ao turismo consciente, ecológico e sustentável. A Embratur será responsável pela promoção internacional dos destinos ligados ao ecoturismo no país, bem como estudará boas práticas, que podem ser aplicadas no Brasil, em países estrangeiros.

O presidente da Embratur, Vinicius Lummertz, explica que “como acontece mundo afora, os parques nacionais e unidades de conservação, com apoio do turismo sustentável, ajudam a ampliar a preservação das riquezas naturais”. Lummertz reforça ainda que “ apoiar o ecoturismo trata-se de um posicionamento mundial muito importante, pois somos o país com maior potencial do mundo em atrativos naturais para o turismo”.

O instituto de inteligência comercial Euromonitor International aponta que número de turistas nas unidades de conservação federais crescerá 11,5% em 2017. O documento estima ainda que, em 2018, o país alcance o número recorde de 8,6 milhões de turistas nos parques nacionais. O Brasil também foi eleito pela revista turística internacional Conde Nast Traveller como o país mais lindo do mundo em belezas naturais. Para o presidente da Embratur, as concessões dos parques nacionais possibilitam a melhoria na infraestrutura e nos serviços prestados e fazem com que o Brasil seja mais competitivo e corresponda à expectativa criada a partir dessas eleições.

Atualmente, são 324 unidades de conservação que abrangem 9% do território nacional. Dessas, 72 são Parques Nacionais, localizados em todas as unidades da federação, totalizando cerca de 26 milhões de hectares. Desse total, quatro já têm contratos de concessão estabelecidos: Foz do Iguaçu (PR), Tijuca (RJ), Fernando de Noronha (PE) e Serra dos Órgãos (RJ).

Voltar ao topo