Embratur

Embratur defende promoção integrada do turismo da América do Sul na China

por — publicado 01/08/2018 00h00,
última modificação 01/08/2018 17h59

Foto por: Pablo Peixoto

Encontro entre representantes brasileiros e chineses na Embaixada nesta quarta-feira (01)

Encontro entre representantes brasileiros e chineses na Embaixada nesta quarta-feira (01)

Em encontro com o embaixador da China no Brasil, a presidente do Instituto, Teté Bezerra, reforçou a importância da integração para atrair mais chineses aos destinos da região

A integração latino-americana entre países da América do Sul para promoção turística na China foi reforçada pela presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Teté Bezerra, durante encontro com o embaixador da China no Brasil, Li Jinzhang. O encontro, realizado nesta quarta-feira, foi solicitado pelo ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, para tratar sobre futuras parcerias e a realização do Festival da Lua Cheia, que ocorrerá dias 23 e 24 de setembro, em Foz do Iguaçu.

Durante o encontro, a presidente da Embratur manifestou apoio na divulgação do evento que será promovido pelo governo chinês e destacou a importância de desenvolvimento de ações conjuntas, especialmente, no que diz respeito à promoção de Foz do Iguaçu.

“Este é um destino que abriga um dos principais atrativos de Ecoturismo e Turismo de Aventura do Brasil: as Cataratas do Iguaçu. Elas estão entre os produtos mais completos para esse tipo de atuação, pois ela é compartilhada por três países sul-americanos Brasil, Argentina e Paraguai. Além disso, é um lugar ideal para o turista chinês, que busca, em sua maioria, destinos do segmento de Ecoturismo”, disse Teté Bezerra.

A presidente resumiu, ainda, as ações que estão sendo trabalhadas pela Embratur no mercado. Teté destacou a participação do Instituto, em maio deste ano, na ITB China, e a realização de roadshows em Pequim, Shangai, Cantão e Hong Kong. Durante o treinamento, os atrativos e os destinos brasileiros, em especial, Foz do Iguaçu, foram apresentados ao trade do país.

O ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, aproveitou para entregar uma carta ao embaixador chinês, na qual ele convida o ministro da Cultura e Turismo da China para participar do festival em Foz do Iguaçu. A ideia é promover um encontro entre os representantes das pastas dos países do Mercosul e os representantes do governo chinês, e desenhar uma melhor atuação para promoção turística entre os mercados. Lummertz também informou aos presentes que, em encontro com o presidente Michel Temer, apresentou a proposta de vistos eletrônicos para países de longa distância, como a China. 

A reunião contou com a participação de Marco Vitório Stamm, presidente da Itaipu Binacional, que falou sobre o trabalho de cooperação técnica estabelecido entre a usina brasileira e a Três Gargantas, hidrelétrica chinesa. Além dele, estiveram presentes o coordenador da Embratur Alisson Andrade; o chefe da Assessoria Especial de Relações Internacionais do Ministério do Turismo, Rafael Luisi; e do ministro conselheiro da Embaixada da China, Zhu Qingqiao.  

     

Voltar ao topo