EMBRATUR

Brasil volta a ser um dos principais destinos de férias no Reino Unido

por — publicado 18/02/2016 00h00,
última modificação 18/02/2016 18h00

Mobilização do País no combate ao zika recupera a confiança do trade e de turistas

A revista britânica Travel Mole, que recebe 8,5 milhões de visualizações por mês em sua versão eletrônica, acaba de divulgar a pesquisa de comparação de voos do líder mundial de busca de viagens Cheapflights, afirmando que o Brasil voltou a ser um dos principais destinos de férias no Reino Unido. “A demanda por destinos de férias atingidas pelo zika estão voltando ao normal”, destaca a publicação. A mesma informação foi divulgada pela revista especializada ITCM. 

“Essas notícias são extremamente positivas para o País e só corroboram as ações do governo brasileiro no exterior, em parceria com a OMS (Organização Mundial de Saúde) e a OMT (Organização Mundial de Turismo), para divulgar e esclarecer possível todas as dúvidas referentes ao vírus zika”, afirma Vinícius Lummertz, presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo). “Além disso, os investimentos em divulgação que a Embratur tem feito no exterior referente aos destinos turísticos brasileiros reforçam ainda mais a retomada dos turistas desse mercado”, destaca. 

Phil Bloomfield, representante do site de comparação de voo Cheapflights, conta que havia uma queda de 13% na procura por destinos afetados por zika nas primeiras semanas do ano: “Mas a confiança nesses países tem sido retomada após a divulgação dos esclarecimentos da Organização Mundial de Saúde”. 

Já a revista ITCM apresenta em seu título que a “Cheapflights vê sinais de recuperação de áreas afetadas pelo zika depois de 13% de queda média”. “As pesquisas para os destinos favoritos dos viajantes britânicos estão subindo novamente, especialmente para países populares entre os viajantes do País, incluindo Barbados, Brasil e República Dominicana”, reforça Bloomfield. 

Vinícius Lummertz informa ainda que, além do Reino Unido, esta semana houve positivas repercussões do turismo brasileiro na imprensa europeia: “Na Itália, um artigo do Guidaviaggi explicou que não há restrições para visitar o Brasil por conta do zika, se tomada as devidas precauções. E na Alemanha, a 88News divulgou quais cuidados devem ser tomados por turistas que vierem ao Brasil”. 

Fontes: Revista Travel Mole e Revista ITCM

Voltar ao topo